26 de janeiro de 2016

Declaração “Polêmica” COMPLETA de Toriyama no Super History Book!


Veja uma declaração mais completa de Akira Toriyama sobre Dragon Ball e também , claro, fala sobre a lastima que achou a respeito de Dragon Ball Evolutione sobre alguns pontos de Dragon Ball Super.


E Dragon Ball chegou ao seu trigésimo aniversário.
30 anos! Isso é espetacular!
Apesar de ser uma série que eu mesmo comecei, ainda assim fico surpreso.

Claro que não é como se eu a tivesse mantido por 30 anos direto, então não devia estar tão empolgado. Mas o manga terminou sua serialização em uns 10 anos, o que significa que permaneceu pelos 20 anos restantes graças ao apoio de todos os fãs e colaboradores.

Isso é mesmo muito incrível!

Eu tenho tanta sorte de ter um manga assim!

Quando começou a serialização de Dragon Ball eu emperrei logo de cara porque não tinha nenhuma preparação prévia da história. Então, quase no prazo, eu tive uma leve impressão do que poderia acontecer no episódio seguinte, deixei todo o resto pra depois, e foi assim que descobri que gostava de desenhar desse jeito, porque dava pra história uma imprevisibilidade excitante (nem eu sabia o que ia acontecer!) e eu continuei assim até o fim.

Embora eu obviamente ame Dragon Ball, esse definitivamente não é o tipo de série que eu prefira, já que gosto de coisas mais simples, ou bobas. Raramente eu leio manga, mas conforme eu ia desenhando a série eu me lembrava da excitação que sentia ao ler manga na escola; De certo modo sempre considerei trabalhar para uma revista shounen como um mero emprego, mas curiosamente nunca me estressei tanto para criar uma história. Acredito que provavelmente é porque eu conseguia me soltar e desenhar sem me pressionar tanto.

Também foi um golpe de sorte o personagem Son Goku ter criado vida muito rápido e como o protagonista louco por lutas com suas brincadeiras levaram a história adiante. Então quando o anime começou, a personalidade de Goku se solidificou graças à voz de Masako Nozowa, e conforme eu ia desenhando o manga aquela voz contagiante ajudava que ele evoluísse por conta própria.

Depois que a serialização do manga acabou, voltei minha atenção para o meu próximo trabalho, então mesmo que eu não tenha feito muita coisa depois disso, eu realmente agradeço ao pessoal da Shueisha e todos os outros por continuarem mantendo Dragon Ball. A Bandai em particular que sempre traz algo interessante e segue angariando um monte de novos fãs.

E é somente graças a todos eles que posso falar desse trigésimo aniversário.

Meus agradecimentos, mais uma vez.

Eu já tinha deixado Dragon Ball pra trás, mas vendo o quanto aquele filme (Dragon Ball Evolution) me incomodou, como eu revisei os scripts dos novos longas animados e como eu reclamei da qualidade do novo anime, a essa altura percebi que gosto demais da série para deixá-la.

Finalmente, para todos os fãs que gostam de Dragon Ball:

Muito obrigado!! Do fundo do meu coração!!

— Akira Toriyama, 2016

Mangá Especial de Akira Toriyama - 30 Anos

Tradução e edição: Kami Sama Explorer

Nenhum comentário:

Postar um comentário